Praça Rui Barbosa,34 - 87175-000 - Centro - Itambé - Paraná

INFRAESTRUTURA E LOGSTICA

Governo vai contratar 30 patrulhas para adequar estradas rurais .

Terça-feira, 03 de janeiro de 2012

Última Modificação: 25/01/2017 16:40:21 | Visualizada 109 vezes


Ouvir matéria

 

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) lançou nesta quinta-feira (29) edital de concorrência pública para locação de patrulhas rodoviárias – conjuntos de equipamentos para adequação e melhoria de estradas rurais municipais. O governo vai investir R$ 72 milhões na locação de 30 patrulhas, por um período de 12 meses. A concorrência abre um programa que prevê a contratação de 60 patrulhas até 2014, atendendo estradas rurais de todo o Estado. O objetivo é criar melhores condições de vida para os agricultores e facilitar o escoamento da produção paranaense.   

 

O governador Beto Richa afirma que o edital atende ao compromisso assumido por ele de assegurar as condições para que o agronegócio paranaense continue se desenvolvendo e obtendo resultados cada vez melhores. “Ter estradas em boas condições é essencial para que isso aconteça”, afirma Richa. A readequação também facilitará o transporte de estudantes pelas estradas rurais.   

 

O edital do DER é dividido em três lotes de equipamentos e veículos novos: motoniveladoras, pá carregadeira, rolo compactador, trator de esteira, escavadeira hidráulica, retroescavadeira, caminhões basculantes e uma caminhonete.  

 

As 30 patrulhas serão distribuídas entre as regionais do DER e utilizadas pelos municípios, organizados em consórcios, conforme explica o engenheiro José Aroldo Zantedeschi, do DER. “A previsão é que cada patrulha fique responsável pela adequação de estradas rurais em seis municípios, mas tudo vai depender da adesão dos municípios aos consórcios. A pretensão é de adequar cerca de 2,5 mil quilômetros de estradas rurais por ano”, diz Zantedeschi.   

 

Segundo ele, as primeiras obras serão realizadas em estradas de maior movimento, tanto na produção agrícola quanto no transporte de alunos. “A grande maioria das estradas rurais foi construída sem qualquer tipo de projeto ou planejamento. Na primeira tempestade, a água da chuva causa erosão nas lavouras e nas estradas. É preciso construir curva de nível, boca de lobo e cascalhar. Em alguns casos, até refazer a estrada”, afirma o engenheiro.   

 

A organização dos municípios para a criação dos consórcios intermunicipais ficará a cargo da Companhia de Desenvolvimento Agropecuário do Paraná (Codapar). “O governo custeia a locação dos equipamentos, a Codapar faz o projeto, treina os operadores de máquinas, lista as prioridades e inicia a obra. A prefeitura custeia o combustível e o salário dos funcionários”, explica o diretor de Desenvolvimento da Codapar, Jair Pedro Vendruscolo.   

 

As propostas para locação de equipamentos serão abertas no dia 2 de fevereiro. A previsão é que as patrulhas entrem em operação até julho de 2012.   

 

RECURSOS – Mesmo antes da abertura da licitação para contratação das patrulhas, o governo do Estado já vinha dando atenção às estradas rurais. Em outubro, o governador Beto Richa autorizou o repasse de R$ 5 milhões para readequar e melhorar estradas rurais de 100 municípios do Paraná. Foi um auxílio emergencial para que as prefeituras pudessem recuperar as condições de tráfego e melhorar o escoamento da produção local.

 

Fonte: http://www.aen.pr.gov.br

 Veja Também

Horário de Atendimento: Segunda à Sexta-Feira, das 8:00 às 11:00 - 13:00 às 17:00

DOWNLOADS